Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Vivências Anormais

Aqui está ele, o meu novo blog (visto que o outro deixou de funcionar). Sempre gostei de escrever e muito mais de ler, por isso resolvi criar algo que eu pudesse partilhar com o resto do mundo. Textos, histórias, fantasias..Venham conhecer!

Vivências Anormais

Aqui está ele, o meu novo blog (visto que o outro deixou de funcionar). Sempre gostei de escrever e muito mais de ler, por isso resolvi criar algo que eu pudesse partilhar com o resto do mundo. Textos, histórias, fantasias..Venham conhecer!

Não sou como os outros...

Não sou uma pessoa fácil de aturar. Admito isso. E, provavelmente não facilito as coisas para ti. Sou um pouco difícil às vezes. Pode parecer que não te quero e que não te amo mas a verdade é que amo. Sou um desafio, porque não sou o tipo de pessoa que deixa que os outros me pisem. Não sou o tipo de pessoa que atura as "merdinhas do" dia-a-dia. Não sou o tipo de pessoa de dar graxa e dizer coisas por dizer. Quando digo algo, sinto-o. Se as pessoas a meu redor são otárias, então que remédio tenho eu senão expulsá-los da minha vida? Deixar-me viver na ignorância e ser falso? Não. Sou bom demais para isso.

 

Sou chato. Sou hilariante. E, por vezes, sou aquela pessoa que adoras odiar. Faço-te gritar e querer dar murros nas paredes. Posso arruinar-te o dia mas mesmo no último minuto faço por tudo para que seja o melhor dia da tua vida. Torno-te louco e, nem sempre mas consequentemente, acabas por ter raiva de mim mas o que é a vida sem algum sentimento?

 

Mas sabes? Apesar disso tudo, existe um lado fantástico meu. A sério que sim! Tenho um enorme coração e estarei sempre lá para ti. Mesmo com a minha vida cheia de nós e de percalços farei de tudo para te ouvir e para te amar. Nunca deixarei de cuidar de ti, nem mesmo quando me afastares. A minha vida acaba por estar ligada à tua. Mas sejamos realistas, a quem é que isso não acontece?

 

És diferente de todas as outras pessoas e eu adoro isso…

 

É refrescante encontrar alguém que não só acompanha as minhas loucuras, mas que é diferente de todos neste mundo em que são todos praticamente iguais.